Páginas

Colocando-me (...)



Colocando-me no devido lugar...



                                          (Um lugar por aí deve existir para me colocar)


"Nunca fui de amenizar as situações com esperança de me magoar menos, nunca fui de fugir das situações, com esperança de não doer tanto, sou minha maior crítica, e sou eu quem mais me machuco."


Diálogo, no contexto amizade (...)

HAHA’ Eles são seus amigos e não meus então não misturem as coisas, eu sou sua amiga e não deles, e vou ser para o resto da vida, se assim você continuar desejando.
Eu sei que você é a garota bonita, a companhia formosa, agradável, e eu sou a garota que eles já ficaram a “gostosura da festa” que sempre que podem vêm e arrancam um pedaço, só para sentir o gostinho e no dia seguinte dizer, eu comi do tal “doce”. Eu não me encaixo no perfil de boneca, eu não me encaixo no perfil de menina veneno... Eu sou a simples companhia, que de vez em quando aparece, sempre dando um sorriso, você é alguém que sempre está lá. Eu sou alguém que nunca estarei em lugar algum.
Eles não sentem saudade, nem lembram de mim, e quando pensam em minha fisionomia, tristonha, ou feliz, perguntam como é o nome daquela (... e por instantes podem ver meu corpo flutuando) “Morena?” Sempre vai ser assim eu tratada como objeto de luxo, (lixo) e você como boneca de porcelana, eu sempre estarei com você, só não na companhia deles...
Eu não mudei de lugar, eu não saí daqui, e nem troquei meu numero de telefone. Eu continuo fazendo as mesmas coisas vivendo a mesma vidinha, eles tornaram-se pessoas especiais pra mim, eu que não fiz diferença na vida deles. Eles foram apenas oportunistas que passaram pela minha casa quando minha mãe estava no trabalho, só pessoas, pessoas que se aproveitaram “daquela ingênua” (Que morreu de tanto chorar, quando percebeu quanto mal a vontade de vida causou.)
Quando eu puder, e quando eu estiver melhor. Eu volto a ser aquela linda garota que sorria de tudo, menos irônica, e talvez com uma pitada de doce sarcasmo, que pensa com a cabeça e não com a “BUNDA” assim como fazem quase todas brasileiras, Talvez eu volte para te ver enquanto isso curta suas amizades, vou curtindo minha solidão.
Hoje percebo quantos milhares de passos deixei de dar, quantas pessoas eu vi de passagem, que marcaram coisas em minha vida posso ver, o que eu fui. E como fui relativamente indecente contrariando os meus próprios princípios.
Só queria poder ter pessoas, para chamar de irmãos da rua, assim como você. Só quero não morrer pobre, porque solitária eu já sou.

Desgastando-me escrevendo, para não me ferir tanto pronunciando cada palavra, cada vírgula que tanto que dói...



 Ps: Amizade também pode destruir quem faz alguém importante para si, e não é de importância para esse alguém.

(Essa postagem, não foi escrita para que todos entendam, e sim para que uma pessoa entenda. Eu não estou pedindo para ser amiga de vocês, apenas desejando ser importante um dia para alguém, eu sei que por mais vazia que eu possa parecer, eu sou alguém, e dentro de mim bate um coração.)

Coração...



Coração meu, para que você serve mesmo?
HAA’ É mesmo para não me deixar viver direito, Engraçadinho para fazer com que eu me apaixone, e viva chorando pelos cantos, e claro para viver cheio de espaços vazios.
Coração bobo, minha vontade é colocar o meu intestino em seu lugar, até ele pensa melhor que você, eu o arrancaria e guardá-lo-ia em uma caixinha de vidro, saberia que ainda bate, pois veria por entre ela, mas não me doeria mais.
Saberia esquentá-lo quando fizesse frio, colocaria o cachecol em sua volta. Não faria sol lá fora e frio aqui dentro.
Coração maldito, não me faça sofrer mais, por mais que eu queria deixar de amar eu não posso porque isso faz tão bem, só não me deixe sofrer, e continuar sofrendo!
Preencher esses espaços vazios vai formatar... SERIA tão fácil programar você.
Maldito coração não ame mais.

Desejando

Desejando por ai.
Meu sonho sempre foi, Um violão cor de rosa.

Boxe, Eu simplesmente quero lutar boxe.

Ser mais feminina. (impossível... E é claro um salto desse.)
Ter mais atitude.

Magoada.



              Estou magoada com vocês, estou magoada comigo, estou me sentindo sozinha,
E é algo que me assola, devasta.
Estou me sentindo perdida, afogada em lagrimas que não transbordam mais pelos olhos que não sabem chorar.
Eu queria ser importante para alguém. Tem alguma coisa que diz que isso não vai acontecer, meu coração dói tanto que acho que vou morrer. Estou mesmo cansada exausta, queria descansar morrer só um pouquinho só por hoje, só para sentir o gostinho.
            Quero correr morrer de gritar, depois de tanto chorar, e em cansaço na cama a noite desabar, desabafando quão péssimo foi meu dia. Chorar e continuar chorando sem ninguém me flagrar gritando em silêncio sem ar de tanto me mutilar.
            Correndo, caindo, andando, sentando, sangrando, com o coração na mão, xingando, querendo e pedindo por vida, apenas viver em dias melhores.

(cadê meus amigos? Agora/?)

Explosão do Coração.




Radioatividade
Como uma bomba radioativa, mesmo não tendo me destruído na explosão me corrói dia pós dia.
Assim como a bomba de hiroshima devastou tudo, e o que restou tratou de corroer, oh esse amor, me corrói, me assola me destrói, me devasta e torna-se apenas insuportável, cada vez mais.
Que vontade de fugir, mas a bomba já explodiu. Mesmo que eu não morra carbonizada, eu definharei, morrerei.
Não há como me salvar, estou ficando cega, estou ficando muda, estou ficando surda.
Alguém pode me ouvir, e me ver? Alguém pode fazer isto por mim?
Felicidade momentânea é como esperar pela faca
Por isso eu estou sempre atenta para as pessoas mostrarem seu lado obscuro
Talvez eu fique sentada e aproveite isso por enquanto
Lave isso, jogue isso, veremos se você realmente ficará.

E tem sempre esta pergunta
Que me deixa acordada a noite
É você o maior amor
Ou maior desapontamento em minha vida? {Pink-Heartbreaker}
Cheguei à conclusão que a bomba deixou seqüelas às rosas, murchou, meu amor ficou a luz acabou meu amor ficou o céu escureceu, meu amor permanece e permanecerá você não vai mudar você não é ninguém.
Eu que sou muito importante, eu que sou muito boba, por te amar. Você não é ninguém, você não sabe amar, sua face foi mostrada, porque sem querer eu tirei sua mascará, e você não tem mais nada que me faça bem, ou que demonstre ser alguém.
O fato agora é esquecer, só esquecer arrancar do coração o que a razão já arrancou da mente.
Magoada? Não. AGORA eu calejei e os machucados feitos no mesmo lugar não doem tanto como antes, imunes ao vírus.


Lema: Foda-se...



....


Pensei que ia sentir uma sensação de alívio. Mas não foi bem assim, eu queria tanto fugir, passar uma borracha, apagar, mas eu quero ser forte, então eu vou continuar. Quanta coisa, quantas brigas, quanta desavença, quanto choro.  E será que essa perda de tempo valeu a pena?
            Enfiar bom senso na cabeça das pessoas isso é impossível. Mas eu gostaria de conseguir (Sarcasmo)
Como alguém pode perder a noção de controle em tão pouco tempo?
Eu não gosto de perder esse controle...  
Não era isso que me desconfortava, não era você que me incomodava. Mas era o que eu queria resolver.
Para bons entendedores, meias palavras bastam”; Já dizia minha avó. 

Regressando




Tornando ao ponto de partida, só o que me resta saber é de onde foi que eu parti. Parti da luz do amor da vida, da folha de papel que vem em branco, e cria tudo da melhor maneira possível. Que vontade de ir embora que me dá, que vontade de provocar uma melhora, a que vontade. Regressei sei que cheguei, eu sei, só não sei se eu vou ficar. Eu voltei, é um bom começo.






(-Postagem de número cem, (...))

Procura-me.




-Mayara onde tu estás?
-Mayara, por onde tu foste, onde andaste?
- Fui por ai, fui ser feliz, e só volto se ver que minha felicidade é aqui, fui buscar aquilo que me faça sorrir, e só volto quando conseguir. SOLTEI das correntes, fugi daquilo que me prende, e só volto com os cadeados enferrujados, eu não tenho rumo, a caminho da felicidade (...) Primeiro esquerda, depois direita, reto, direita, esquerda. E ainda sim não cheguei aonde queria, nem alcancei o que desejo espírito este de aventureira, mas estou sendo feliz.  Eu me soltei, Talvez eu volte a noite.

Destruir


.
Nossa mais que conceito, ou deveria dizer pré-conceito.
Eu não sei destruir eu não sei acabar, é você que denigre a si mesma, culpa eu não tenho. Afinal mesmo que tivesse a culpa, Ela seria minha e eu colocaria essa culpa em quem eu quisesse. (Sarcástica)

SAUDADE



Qual é mesmo o significado desta palavra?
Ultimamente tem sido tão freqüente ouvir as pessoas dizendo, “Estou com saudades!” Que tenho pensado que estou invisível, pois tenho andado nos mesmo lugares, as pessoas é que não me vêem mais como antes.
Sim meus amores, sinto saudade de todos vocês, e também sinto saudade de mim, mas estou vivendo o lado azul da vida.   Estou sendo serena, leve como a brisa que os acorda pela manhã, quando dormem com a janela aberta, mas também sou a ventania que os acorda no meio da noite com o aviso prévio de tempestade.
Sinto saudades dos velhos tempos, das coisas boas, das lembranças eternas, eu não mudei, posso dizer que apenas fixei o que já sabia, e concretizei alguns sonhos, também sei que amadureci, eu sou tudo que sempre fui, viva em uma nova fase, talvez melhor para amigos, pior para inimigos.
Saudade de mim, eu nunca fui sempre estive aqui, vocês que esqueceram onde eu estive sempre, os esperarei sempre, para ser ao lado de vocês a velha menina covarde, pouco PUNK e nada idealista!
Lembrem-se estou com saudades, mas nunca arrumei as malas, a saudade não vai sanar mesmo que nos encontremos por ai, porque queremos mesmo ver-nos todos os dias, colocarem as conversas em dia, por hora e hora, e nunca esquecermos de nós.
Não esqueça de você porque eu morri, mas estou viva agora, e não esqueci de mim. É só outra fase.

Solidários.




A menina que se submete á todos para ajudar, mas ninguém se mobiliza a ajudá-la.  Que luxuria... Abaixa, sobe, desce, vai, volta, faz, pega. Vive de ordens, será mesmo que é tão petrificada quanto parece?
Há quer saber quem sabe ela não pensa um dia todos eles desaparecem. PUFF’
‘Sumiu’ Nem foi desta vez.
A menina não esquece, ganha guerras e batalhas, seu coração abalado, mas sua alma de vitórias invictas inabalável. Continua cumprindo ordens, pedidos e desejos, vive sua vida sabendo que apesar de nunca ser atendida ou ouvida, é mais forte do que todos, pois sabe que eles a acham forte e a acham superior por nunca precisar de ajuda.

Carpe Diem




Começar o dia com um punhado de idéias, e um pouco mais de sarcasmo.
Nunca me senti tão bem fazendo algo. Quando me afogo em palavras sem sentido as posto aqui, sem nenhum intuito, só o de fazer-me enxergar o que já não mais podia ver, pelos olhos sujos de neblina.
Primeiramente a tristeza é só um dos diversos estados da mente.
Estado este que deve e merece ser estudado minuciosamente.
Depois quero que reflitam comigo sobre o maravilhoso texto de Pipa.


Uma paixão só vale enquanto temos disposição para entregar-mo-nos. Soube que o amor havia acabado porque, de quando em quando, levava as mãos ao coração e o sentia desacelerado. Eram dias em que o tempo se recusava a passar, e quando a luz do sol se despedia muitos já tinham se confundido com a neblina. A menina, escondida, escrevia. As lembranças gritavam até perder a voz, talvez porque tenham surgido do alento e ali permaneceram. Cálida e transparente, à tarde desabavam sobre si mesmas num recuo inevitável, como se quisesse sussurar-nos que a fuga é sempre inviável. Respirava um ar de carvão e lixívia, como se essa névoa que lhe embaçasse a vista, pudesse lhe devolver o alento das esperanças perdidas. O crepúsculo descia das alturas como um milagre que anunciasse a existência de um paraíso perdido. Viajava sozinha para um mundo de sensações, onde a única coisa que podia ser vista, era o invisível. Deserta, a cidade emergia das ruas e avenidas, como se os prédios e as casas tivessem sido devolvidos por uma maré de cinzas. Foi ali, no eco de uma época que já não existia que o passado lhe voltava a memória, ainda que dele só restassem ruínas. Refém de um tempo que se esvaía como fumaça ao vento, dos que não conseguem mais sentir, e, sobretudo, dos que mais nada esperam. Lá fora o sol ardia incapaz de aquecê-la do frio que sentia por dentro. Como fossem lágrimas petrificadas, os flocos de neve caíam. Um instante antes que os primeiros cones de cristal líquido lhe interditassem a vista, o tempo parou, congelando-a nas lembranças e na vida. Sentiu pela primeira vez que se fundiam. A alma ficou suspensa no ar como uma partícula de poeira fina. Era como acordar em um corpo que não lhe pertencia. No espelho, não era ela. Era uma estranha que via.

Para cada parágrafo que leio afundo mais em pensamentos sobre mim, coisas pesadas que não saem do ar, coisas que desatinam e voltam para arder, com mais intensidade e com mais doer. Parece que a cada palavra dela, me coloco no lugar da pessoa dos fatos da história.  Sou incapaz de reconhecer na frente de um espelho, seria apenas uma imagem um vulto, e para cada vez que eu o – olho, vejo - me mais distante de minhas verdades.  Verdades estas que seriam moldadas dia pós dia conforme as incríveis descobertas que eu faria. Acabou esvair ou o céu roubou tudo que tinha, e agora só resta esperança, esperar um dia melhor. Quem sabe coma perda gradual da lembrança logo ao ponto que nada faça sentindo não me sinta melhor, não me sinta bem, me sinta maior.  ‘Hááá Tudo bem é só uma leitura mesmo.’ 

Embora.




Achei que iria me lamentar, achei que iria chorar, mas agora não vejo a hora de tudo isso acabar, só posso pedir que vá embora.
Não fique mais não volte atrás, sua decisão tomada não mais por mim será questionada, e de malas prontas vá embora, imploro que não fique mais e me deixe em paz. Vá embora, não volte mais, vá embora, não sentirei saudades.
Vá embora e fique longe de mim. Vá embora, e reze pelo melhor fim, vá embora.
VÁ EMBORA, isso não é uma ordem é um pedido do melhor para mim, não quero ver meu coração morrendo.
 Vá embora afinal, não vou viver me escondendo, ou me defendendo, posso acabar partindo para o ataque, Vá embora!

Oportunista

Estava andando cabisbaixo, quando então encontrou um cachorro de aspecto raquítico, meio sujo, com uma expressão bem parecida com a que ele próprio carregava. O animal o seguiu incansável até a noite. No outro dia, ao sair de casa, lá estava o cão esperando-o. Intrigado, resolveu andar o quanto pudesse e testar a nova companhia. O cachorro não se separou dele, nem por um minuto. Começou a aceitar e gostar da nova amizade, com pouco já brincavam e afastavam as expressões mórbidas de outrora. O garoto  caminhava seguro, tinha um amigo, agora inseparável. Ousou andar mais que de costume, ir nadar no rio que contornava a cidade. Deixou suas roupas próximas a margem e esperou que o cachorro o acompanha-se. Este preferiu esperá-lo junto às roupas. O garoto deu um mergulho, e ao emergir não viu mais o novo amigo. Correu até a margem para procurá-lo. Talvez um garoto malvado o levasse. Vestiu abruptamente suas roupas e, nesse instante, notou que o tubinho de carne defumada, que carregava em seu bolso, não estava mais lá.

Até o cão, o denominado melhor amigo do homem, daquela vez foi oportunista
E agora vivemos de pessoas  tão oportunista quanto o cão, só espero esbarrar com amigos de verdade, ser amada de verdade, e ser importante para quem me amar. Não quero acabar sozinha, não quero me lamentar, aliás, eu não quero ter motivos para isso. Eu não vou acabar sozinha!


Cala boca.



Agora sua voz se torna ensurdecedora, cala boca. Não posso ouvir você, não posso ouvi-lo, é ensurdecedor, é doloroso. Não me conte nada, não comente nada, não fale sobre nada. Desapareça, eu não posso mais ouvi-lo, isso vai me enlouquecer, pelo amor de Deus, Cala-se.  Sua voz me provoca e não quero te magoar, para com essa brincadeira de falar, coisas que se perdem, para! Permaneça calado. Não posso ouvi-lo.


Ps: Você não sabe como é escutar a sua voz, e ouvi-lo dizer as mentiras e corresponder com mais mentiras.

Forte.




Não venha me falar de força física, você não sabe o que é ser forte.
 É não se deixar abater por dificuldades, é segurar uma lagrima evidente. É tentar tirar aquilo que já está tatuado na pele no coração, forte é tentar mover algo que está simplesmente estagnado. É ter que dirigir a palavra sem olhar nos olhos que eu tanto olhei por medo do meu reflexo. Forte é não gritar quando se tem vontade, é não chorar quando se tem angústia, é não expressar quando não se pode mais suportar, forte é agüentar uma dor todos os dias sem dizer que a sente ser forte é sentir seu cheiro e não pode dizer o quanto gosta dele. Forte é negar o amor que você sente.

Ps:Você é fraco apesar de toda força, não tem força alguma em sua mente!

Continue respirando.



Quero continuar vivendo continuar amando, lutando, procurando me virando.
Só quero continuar, pode? Quero não perder no meio do jogo, quero não parar antes do fim, e quero que escutem-me.  Me deixe continuar vivendo, eu não quero apenas respirar quero viver e  fazer alguma coisa.

Ps: Continue respirando, preciso ouvir o som que o ar faz ao entrar em seus pulmões, o som de sonho, e  preciso ouvir o som que faz quando o seu coração bate. Continue respirando.

Importante.



Eu queria ser importante para alguém, ser amada, ser lembrada, ser levada, ser mimada, mas não sou!
Eu queria que alguém lembrasse ao menos que eu posso existir, pois eu sei pensar.
Queria que alguém me visse agora, queria me sentir alguém.
Mas é só quereres, só dizeres coisas que não vão se realizar. Ser importante, quem sabe? Quem sabe um dia não se lembre de mim, não me ame mesmo assim, não me leve consigo, quem sabe eu não me torno eterna.
Só utopias.

Homem.



Coisas que um homem jamais deveria usar: Maquiagem, calças legs, camisa por dentro da calça, cueca cor de rosa, tênis com meias aparecendo, calça de pula brejo e eu, obvio!  

Amor Verdadeiro;



Eis aqui um exemplo de amor de verdade. Um amo que só Deus pode colocar no coração de um ser humano:

"Teve inicio nos Estados Unidos a nova edição do Americam Idol, que traz em seu juri nada mais que Steven Tyler e Jennifer Lopez.

Nesta semana um concorrente surpreendeu a todos, inclusive levando as lagrimas o lider do Aerosmith.

Seu nome é Chris Medina, um jovem de 27 anos dono de uma ótima vóz. Ele cantou muito bem, sendo aprovado, mas não foi isso que mais surpreendeu.

Quando Chris contou sua história é que a coisa mudou. Ele estava acompanhado por sua noiva, Juliana Ramos.

A 2 anos Chris pediu Juliana em casamento no Starbucks onde ela trabalhava, fotos e vídeos mostram vários momentos felizes do jovem casal.

Mas com o casamento marcado, um acidente no dia 2 de Outubro de 2009 mudou o rumo da história. Ao voltar para casa do trabalho, o carro de Juliana foi artingido por um caminhão, ela e quase não sobreviveu.

Ela sofreu uma grave fratura no cranio que a deixou com o rosto desconfigurado e quase totalmente paralisada.

Confesso que fiquei admirado com o vídeo. O que mais impressiona, é a dedicação de Chris. O Amor nitido que ele tem por Juliana. Imagino o quanto deva ser dificil conviver com isso. Mas ele permaneceu ao lado dela o tempo todo.

Em certo momento ele traz a juliana até o palco para que os Juizes a conheçam, nessa hora da até um nó na garganta.

Pesquisando mais decobri que existe um Site para arrecadar fundos para o tratamento dela, pois os valores são bem altos. Ele também tem uma página no Facebook.

Enfim, assista ao video e veja o que é o amor de verdadeiro.



Amor de verdade/ Você luta por ele?
Roubei esse post de alguém, (risos)... Eu acho que amor iguais a este são raros, e devem ser compartilhados.

Oração.



Ajoelhada no chão, com a cabeça encostada no piso gelado, e a única coisa que separa o fracasso de mim, são as mãos grudadas, que separam a frieza do piso que se esquenta com as lagrimas que rolam pelas minhas mãos antes de alcançar o chão. Um desespero que toma conta do meu eu, nem forças para orar e pedir me resta.  Começo a pedir na mente e as lagrimas caem, com a mesma ardência que bate o meu coração. E as coisas que posso escutar são as lagrimas batendo com movimentos uniformes constantemente no piso de formas engraçadas e ecoando o som pelo quarto e meu coração cansado.

*Deus me ajuda, estou desesperada, me ajuda.
Completa meu coração me ajuda eu não agüento mais. Eu não sou vencedora, eu não sei pedir, eu não sei orar, eu estou jogada aos teus pés pedindo por bênçãos, eu não suporto a vida que levo. Manda as coisas certas para minha vida, por favor. Eu lhe suplico, suplico de toda alma.
Muda minha vida faz de tudo isso algo melhor. Eu não sou ninguém, eu não quero continuar sozinha lutando com o vento pela liberdade, eu não quero sempre ser essa menina má. Ajuda-me, pelo amor que tens em mim. Eu sempre disse que poderia agüentar, mas não posso, eu não suporto mais.  Deus manda meu príncipe me buscar, me ajude a não errar, eu não quero ser má, eu não quero errar pelas mesmas coisas sempre. Eu não suporto nada disso outra vez.
Eu estou desesperada, nunca senti nada do tipo, eu choro e minha dor não passa, por favor, ajuda-me. Eu não quero morrer eu quero viver... Por favor, eu não quero morrer eu quero viver. Eu não suporto sofrer, eu não sou forte... Ajuda-me. Deus está me ouvindo? Se meus pensamentos chegarem até você, me ame porque eu não sei qual é o sentindo real desta PALAVRA. Deus eu simplesmente não quero deixar de existir, me escuta vai. ESTOU AQUI, pode me ouvir? ESCUTA-ME, onde está você agora? Ajuda-me.
Olha por mim porque eu simplesmente cansei, cansei de me cuidar cansei de mim. Olha e me guia. Abençoa-me. Eu não sei no que acreditar, mas sei que caso eu não acredite em algo, ou em alguém, morrerei.

As coisas começam a ficar claras, o choro vai indo embora, gostaria de dizer que a dor também se vai, mas ela permanece a vontade de levantar é grande, mas as pernas fazem que queiram deitar então enxugo as lagrimas e permaneço estática deitada no chão, até que não ajam mais motivos para continuar ali. 

Incomodo?




HAHA’ Fico só de olho na maneira como me olha, com cara de nojo.
Fico só observando como me trata, como se fosse cachorro.
Fico só pensando porque não gosta de me ver sorrir, e te incomodo.
Fico azul de pensar que eu sou calma, porque na verdade sou fria.
Fico boba quando não me nota, porque você finge que não olha para mim!
Penso que seu amor é tanto que minha voz, o incomoda. O simples fato de estar viva ofusca você, e isso lhe mata dia pós dia.
Sinto muito! Mas para você lhe dou meu dedo do meio.
            Quero e pretendo continuar te incomodando. 

Grito




Grito mesmo, porque o silêncio me incomoda.
Grito para dizer na sua frente, para você ouvir o que nunca escuta,
Grito mesmo por medo, grito de raiva grito para espantar.
Eu grito de saudade, grito de vontade, eu só grito.
Só faço isso para te incomodar, para te tirar da poltrona te arrancar do sofá, eu só posso gritar mesmo. "AHHHHH"

Verdade.



Você só acredita na verdade que te destrói, Acredita na verdade que não dói.
Na verdade que não machuca, nem toda verdade é para curar,
Nem toda verdade enxuga as lagrimas, nem toda verdade é como queríamos.
E se você só acredita nas verdades que lhe faz bem, você vive em mentiras, porque isso lhe convém.

Amigos.




Aos amigos.
Eu descobri que não existem amigos, mas pessoas oportunistas.
É tão ruim quando você incluiu alguém em sua vida que não faz o mesmo quando se trata de você. Sinto saudade daquelas pessoas. Dos velhos tempos, dos meus amigos de verdade. Contradição. Eu só queria ser ouvida...
Sinto saudades de Você!


Ele não vem.



E se eu dissesse que sou uma pessoa ruim?
Será que ainda sim, as coisas estariam numa boa?
É acho que não...
Eu espero todas as noites, e acordo todas as manhãs, olhando do meu lado esperando que você já tenha chego.
E eu esperarei todos os dias, mesmo sabendo que você não vem. Porque eu ainda sim acredito na verdade que me convém.
Eu sorrio mesmo sabendo que não está tudo bem, e que nada ficará bem, porque a tempestade não vai passar. A chuva não vai parar de cair lá fora.
Gostaria de me afastar de tudo que me faz mal, de tudo que me prende, queria não esperar você acorrentada agora.
E se eu disser que isso
não faz bem?  Eu continuo sonhando,
porque é isso que quero. É da maneira que eu espero
. Pior seria se ele não existisse, então eu me contento mesmo sabendo que ELE NÃO VEM hoje não. Eu me canso de esperar mesmo sabendo que ele não vem mais esta noite...

Cólica menstrual


O que tem de bom hoje?

A cólica é uma dor que ocorre em órgãos ocos, especialmente útero. Caracteriza-se por ciclos de dor intensa, com aumento gradual da intensidade até um pico e depois melhora lentamente.
menstruação é muito propensa a desenvolver cólica no abdômen de severidade variável que pode irradiar para a região lombar e coxas s cólicas menstruais são chamadas de dismenorréia, e podem ser tratadas com ibuprofeno, exercícios de alongamento ou com a aplicação de calor com banhos quentes ou bolsas de água quente.
Algum homem aqui sabe o que é ter uma pequena hemorragia de 28 em 28 dias? E algum homem aqui sabe o que é sentir cólica, dor nas pernas e nas costas como se você carregasse dois de você? Pois bem, os hormônios explodem e ai vem a TPM, a causa não é conhecida, mas pelas características está relacionada à elevação do estrogênio na fase pré-menstrual ou a queda do progesterona. Contudo, esses dois fatores não são os únicos envolvidos: esses hormônios podem afetar as neurotransmissões e aí então causar os sintomas psiquiátricos. Pode também afetar os receptores fora do Sistema Nervoso Central provocando outros sintomas.
Tudo bem, estou com dor nas pernas, minhas costas dói, minha barriga vai me matar e estou agindo como se nada estivesse acontecendo, normalmente falo alto, mas quando chega a TPM, a cólica menstrual mudo até o tom da voz, falo suavemente (-porque faltam forças para gritar, e não porque falta vontade.) ajo naturalmente, mas estou com um ódio, nem sei do que, estou com uma vontadezinha de matar alguém, só para ter o gostinho de vê-lo morrer.
Nascem espinhas no meu rosto, e eu passo maquiagem que tanto odeio, odeio o fato de parecer artificial, mas a dor não passa, já acordo mal-humorada, sarcástica, com um sinismo enlouquecido, sem contar as ironias... Coitadas das pessoas que me pegam de TPM, horas estou sorridente noutra estou chorosa, numa faço todos rirem noutra dou lição de moral para todos chorarem. Acho que a TPM, é a pior época que poderia existir, e talvez agora esteja claro de onde vem àquela música “mulher de fases”.
Estou com crises de choro, nervosismo exacerbado, mau humor e impaciência, vai mesmo encarar? Se brincar comigo é perigoso não sobrar restos mortais se disser que me ama, não vai ouvir nem um eu também, então sai da frente.  “O abre alas que eu quero passar  ♪♫
Queria um homem no meu lugar por apenas 3 dias de TPM, e uma noite de cólica, só isso bastava... E vem nos dizer que somos sexos frágeis. Só encerro dizendo, só por hoje sai do meu caminho, que eu estou de TPM.


E só alertando.
-Não me toca
- Não enche meu saco
-Não banque o engraçado
-Não diga nada
- Não faça nada
-Não seja nada.
Estou de Tempo Pré "Monstrual". 
 HAHA' E não vem de graça perguntar se eu estou de TPM. Porque estou, mas não estou afim de ironias.

Diário.

Faz três dias que não faço uma postagem, é estava praticando morrer um pouquinho, eu realmente precisava, voltei à escola, aquilo que me fez criar o blog, o motivo de maior sofrimento durante os tempos, olha morrer não foi como eu planejava,voltou fria, e não sei nem ao menos explicar faltam palavras... Acho que nada descreveria o que sinto neste instante, sensação de amargurada, cruelmente maltratada, simplesmente distante.
è    Todas elas, o grupo de amigas verdadeiras repetiu, continuaram no mesmo ano.
è    Sinto saudade dos meus amigos. Kléston’s.
è    Sinto vontade de chorar.
è    Durmo todas as aulas esperando cicatrizar.
è    Parei até de fazer o que eu gosto; Escrever.
è    Briguei com a única pessoa que eu amo de verdade, mas venhamos e convenhamos, arranjei uma sogra sem ter ao menos ter namorado.
è     Não sei ainda o que me faz levantar da cama para viver.
Há alguma coisa que alguém possa fazer? Vivo apenas imaginando ao invés de agir.
Deus às vezes eu não acredito em você, mas sinto sua falta, pode me ouvir?
Quantas coisas para que eu digira de uma só vez! Sou ser – humano por mais que pense que não, eu ainda sim sou humano.

Coração negro.



O coração que era vermelho ficou negro, como fumaça, gélido como a neve e nem bate mais. Antes corria sangue em suas veias, hoje nem pó passa por perto dele.  As decisões são tomadas rapidamente para que eu não possa sentir nada, e decisões fortes, sorrateiras, agora durmo um sono profundo e algumas pessoas vivem enquanto dormem outras morrem. Eu nunca tive a sorte de viver. Meu coração para de bater todas as vezes que alguém me aborrece ou me entristece, hoje nem sei se ele voltará a bater, posso cavar um buraco dentro de mim, e simplesmente arrancá-lo não fará falta alguma. Meu coração dói, porque sei que seus beijos são para ela, que seu coração é dela, e que se esquece de mim, e muda meu nome sempre que me vê, meu coração queima e brasas e nada podemos fazer quanto á isso, apenas pedir que ele volte a bater, ou nunca mais volte, espero mesmo que o leve com você. Assim doerá menos, não sentirei saudades ou dores, não verei queimar sem poder colocar as mãos na brasa e salva-lo. Os lábios que agora estão sem sangue, o rosto que está suado, as mãos que não se movem de tanto nervoso, as pernas que tremem como se fosse a ultima vez que eu pudesse ficar em pé, e eu não evito que veja isso. Deixo me ver entrando em colapso. Ver meu coração mais uma vez sem expressar nada, sem ao menos bater, e agora todo meu corpo esfria e o sangue quente que antes corria nas veias não corre mais. Meu coração calado está e assim permanecerá, até que um outro alguém o desperte para fazê-lo sofrer novamente, o coração que não batia vai bater para parar o dia.

A despedida.




Ela vai de passaporte sem mala, com destino de nada, pretendendo chegar a lugar algum. E durante um tempo apenas ensaia a própria despedida, dizer “tchau” e um “Eu te amo” até pode parecer fácil, mas se for embora leva minha alma consigo.  Não tenho muito que dizer, apenas que se não foi ainda por falta de Adeus, então que vá com Deus (-E um sonoro Adeus) querendo dizer apenas até logo, volte mais tarde!  Mas se agora sua decisão esta tomada e suas malas estão prontas. (-O que ainda faz aqui?) Porque me castiga tanto assim? Sabendo que vamos sofrer e que muitas lagrimas haveremos de derramar em busca de nada, e em troca de tão pouco. Sou péssima para despedidas, e se acha que vou chorar, (-Esta mesmo certa), mas o mundo não termina aqui, ele só começa com uma cara nova, cara de tristeza, de despedida...
 E de cara que se for não volte mais... (-Pois as portas não se abriram como as de uma escola, que se fecha depois da entrada e abre após o período de aula).
Sentiremos falta dos nossos momentos bipolares, e das nossas brigas vazias, mas não há nada que se possa fazer, apenas dizer obrigada por ter estado aqui, e obrigada por ir, e se despedir de mim. Ahhh quer saber, o que, que tem só estamos de ida mesmo, isso é só uma passagem o que leva daqui é só uma de suas bagagens. 

Desistindo.


Estou a beira do precipício pronta para saltar, sei que lá embaixo não tem água e que ninguém poderá me salvar cabe a mim decidir se salto ou não, pois bem coloquemos na balança caso eu salte perderei a vida e todos os problemas juntos dela, porém não verei minha família se estabilizar as decisões sendo tomadas conseqüências ou não.
            Quem sou eu para optar pela morte ou não? Quem sou eu para decidir saltar ou não? Mas a vida é um precipício mesmo, com altos e baixos, talvez com mais baixos que altos. Uma brincadeira, de criança na mão do destino. Tudo bem então eu salto.
            Não espera, sou jovem ainda bonita e não conheço metade dos problemas da vida, devo mesmo saltar? Tudo bem vamos ser realistas a queda pode ser de 5 segundos tempo o suficiente para que eu me arrependa, então eu não devo saltar agora. Tudo bem então eu sento e salto na próxima ventania, mas enquanto ela não vem vou colocar os pensamentos em ordem e agradecer.
            Eu nunca vi o sol nascer, eu não sei porque estou fazendo isso,eu não vi meu filho nascer, eu não entendo porque a banana pequena não é chamada de nanica e sim de prata, eu tenho que mudar muitas coisas ajudar muitas pessoas. Eu não vou fazer isso.
            É mas eu posso acabar como uma pessoa solitária e não encontrar minha alma gêmea, eu devo saltar, eu amei em vão e não fui reconhecida, procurei em vão, nadei e morri na areia, fui covarde nunca lutei e agora vou desistir de desistir porque tenho medo de arrependimentos?    
            Na verdade mesmo tenho medo da morte, tenho medo de não ser o que eu desejo de não ser como penso.
            E de não ser amada devo lutar agora ou simplesmente saltar, desistir de tudo que eu sempre acreditei?
             Isto não faz o meu gênero foi mesmo só um lapso, afinal eu sempre soube que não seria fácil eu nunca fui ingênua nasci chorando e nunca pensei que aquele seria meu ultimo choro da vida, lutei para vir ao mundo e agora vou lutar para sair dele?
                        Tudo bem, mas só saio daqui morta por vontades maiores que a minha de viver!
desistir não é a melhor solução apesar de me parecer boa opção, não é a hora, não ainda.

A guerreira.



Luta por amor, luta de tanta dor que já carregou, é meiga é doce é delicada, mas sabe dar pancada. É alguém de personalidade forte, e nada importa se não for importante de verdade. É resistente e faz da sua vida uma luta, mulher contente, dominante, combatente do próprio crime. Seus atos de vingança lutam por uma vida melhor, sem mentiras, sedenta por batalhas, para que lá na frente possa ver a bandeirinha de paz erguida. Suja de sangue continua, sangue este que carrega respingos do seu próprio sangue, se desfez de tantas coisas, e mesmo assim não tem nada a perder. Chora sozinha, mas ninguém sente ninguém pode ver, ela é guerreira depositei confiança nessa moça, é a ultima chance de existir amor.  Quer apenas ser lembrada de tudo que fez não se preocupa com atos grandiosos, e sim com atos bons. Está preparada para morrer a qualquer momento, esperando que outras continuem seus atos, apreensiva esperando que nada de mal aconteça com esse outro alguém. Ama, ama demais que esqueceu de se amar, e foi ficando para trás na jornada triste, mas verdadeiro, fazer o que se essa mulher tem personalidade incorruptível. Só espero que ela seja feliz depois disso tudo. Lá vai a  mulher guerreira.

Morte só por hoje



Temos que morrer tantas vezes durante a nossa própria vida, que fiquei craque em ressurreição. Há dores que não se curam há cortes que não cicatrizam, e simplesmente sangro até a morte. Dores que vem no mesmo pacote de amores, de coisas queridas. Dores que doem mais que supostas feridas. As mortes que se despedem com pêsames choros, risos maldosos de amigos invejosos, risos de culpa. E dou uma morrida por ai, só quando quero só para me despedir, dizer um adeus sem ter que ir. Morro só de vez em quando só um pouquinho, só quando não gosto do desfecho, quando me arrancam o chão, ai eu caio e morro de remorso mesmo. Morro para os amigos falsos, não atendo o telefone. Não saio de casa, não como, fico ali moribunda só esperando à hora certa para colocar uma roupa e ressurgir, estar viva de novo.  Mais meus momentos mortos são os melhores, fico lá caída, morrida. Desprovida até mesmo do conhecimento que adquiri durante os anos de vida. Estou mesmo aqui nocauteada. Mas infelizmente como já disse tenho que sair pela manhã, mudar o visual me sentir melhor, e viver de novo para morrer depois... E ai quando me perguntam onde estive só digo que estava sumida mesmo, ninguém acreditaria se eu disse-se que morri no meio da semana, mas resolvi voltar porque tinha coisas pendentes.
Quer saber eu só queria mesmo morrer, um pouquinho descansar de vocês, ahhh Como queria descansar, e morrer só um pouquinho. Só por hoje!
(Inspiração texto morrer só um pouquinho de Elisa Lucinda.)

Aprenda.



“Aprenda a tirar coisas boas de tudo àquilo que viveu, pois nada em que tenha vivido, ou que tenha feito, foi em vão, valeu de alguma coisa por pior que tenha sido, aprenda a se cansar de sua própria loucura, e torne-se são. Aprenda que você está no fundo do poço, mas esse poço poderia não ter fundo, aprenda que esse poço em que está poderia estar tampado, aprenda a acreditar, aprenda que a vida e o futuro são incertos, mas quem escolhe o seu caminho é você. Nunca apague tudo que viveu. Pois se apagar, suas informações vão ter de ser recriadas, e os erros, cometidos de novo. Nunca diga não para um começo, ou recomeço a vida é um movimento constante, e o tempo não vai parar para que você possa sofrer, siga sempre em frente, não retroceda, seja sempre feliz, e nunca pare para procurar a felicidade ela está em cada sorriso seu por mais curto que esse sorriso seja, quem muito procura a felicidade esquece de viver, e passa pelos momentos mais felizes de sua própria vida. Logo pela manhã olhe-se no espelho, não espere o pior. Fale sozinho, desabafe, sorria, pense ande, seja. Deixe as coisas, ruins para trás, peça desculpa seja humilde. Não morra antes de sua hora. Não pare para ver as pessoas indo embora, não deseje que as coisas sejam melhores, faça alguma coisa para que elas sejam realmente boas. Não calcule, nem perca tempo estimando seu tempo de vida. Não chore desnecessariamente, mas não fique sem chorar, comece dias novos daqui para frente. Não permita que as pessoas simplesmente lhe roubem a vivacidade, não deixe que te engabelem, não seja apenas mais um número, nem um coração vazio. Seja um DNA, seja único. E simplesmente ama-se não seja injusto ou severo consigo mesmo, aprenda que aquele que realmente olha em seus olhos vale a pena. Aprenda, e apenas abra os olhos para o melhor que você poderia ser”.  
Viva para você e faça isso intensamente.

THAT I WOULD BE GOOD




Que Eu Esteja Numa Boa

 

Que eu esteja numa boa, mesmo se não fizer nada.
Que eu esteja numa boa, mesmo quando nada estiver legal.
Que eu esteja numa boa, mesmo se ficar e continuar doente.
Que eu esteja numa boa, mesmo se engordar 10 quilos.

Que eu esteja bem, mesmo se estiver falida.
Que eu esteja numa boa, mesmo se perder meu cabelo e minha juventude.
Que eu seja grandiosa, mesmo não sendo mais a tal rainha.
Que eu seja grandiosa, mesmo não sendo uma sabe-tudo.

Que eu seja amada, mesmo entorpecendo a mim mesma.
Que eu esteja numa boa, mesmo que a verdade seja escondida de mim.
Que eu seja amada, mesmo quando estiver enfurecida.
Que eu esteja numa boa, mesmo sendo agarrada.

Que eu esteja numa boa, mesmo se perder a sanidade.
Que eu esteja numa boa, com ou sem você.

Descobri que eu posso estar bem, independentemente do que aconteça, e das batalhas que eu posso enfrentar. Batalhas são rotinas, o importante é vencer a guerra e não gastar mais tanto tempo da vida lutando. É bom saber, que minha vida é incrível que meus sonhos possam ser reais.
É bom rever meus conceitos e saber que a vida não é conto de fadas e ela não gira em torno de você, é bom descobrir o amor, é bom amar e ser amado, é bom lutar por amor, é bom, isso é bom para mim. É bom ver outras pessoas compartilhando dos meus pensamentos pobres e vazios, é bom.
É bom estar e continuar numa boa, apesar dos apesares, apesar das coisas, que venha me atingir e que me acertam em cheio. É bom me olhar no espelho e ver que eu mudei que meus cabelos estão diferente que a cor da minha pele não é a mesma, é bom ouvir alguém dizer que estou linda!
É bom saber que hoje você já não é a única coisa na minha vida, que você já não é mais tão importante assim, é bom ver você levando meu coração embora, aprendi que não podemos deixar de sonhar, porque isso pelo contrário do que pensam não nos faria parar de viver, mas sim nos faria deixar de existir.