Páginas

Conversando







Eu dou corda até que ele se enforque, Justamente.






“-Deve ser no mínimo intrigante, sem contar que todos eles são homens, como você se sente em relação a isso?


"-Eu acho estranho... Eu me sinto tão a vontade falando com você, mas isso te incomoda, porque no caso do sim, vou embora agora"


- Ele é mesmo um fofo.. Respondeu as perguntas que me fez, sem dar tempo de minha resposta


Disse ele:


"-EÉ simples, você não é fresca e nem vive falando besteiras, fala apenas o necessário e é boa ouvinte!"


No contexto palavras dele ainda sem nexo: "... Você pode ser uma mulher, mas quando olho no seu rosto vejo uma menina, tão angelical."


”- Apesar de tudo, é lindo olhar para você.... (Minha reação: ^.^/ o.O...)


"-Mas isso significa que sou inocente?"


Ele diz: " Na verdade não, porque em seus olhos não vejo mais inocência nenhuma... Acho que você perdeu isso em algum momento"


- é foi bom ouvir tudo isso, mas... Não fez sentido...

Do que já senti doer.





















Deus, ele sabe que eu acreditava em anjos e porque acreditava eles existiam, mas vivia em época em que já era difícil de viver e respirar e porque não respirava morria em tragédia e morria para encontrar tudo aquilo que eu acreditava! Enquanto dormia fugia, alia havia tempo de encontrar os braços dos anjos, e ficava confortada até acordar. Juravam que sabia, ainda havia tempo de deixar o amor me guiar até em casa, ele iria me libertar, poderia fazer tudo o que eu quisesse até encontrar absolutamente tudo que eu queria. Eu sei que eu sou tudo o que você não pode controlar, em algum lugar além da dor, deve haver uma maneira de acreditar, que ainda estamos bem! Enfrentei até mesmo a natureza para te-lo por perto, mas das fúrias que a natureza mandou para eu enfrentar a que eu menos sustentei-me e a que menos lutei foi a chuva, com ela eu chorei e as lagrimas se misturavam as águas do céu. E eu já não tinha nada, vontade de gritar, chorar, ou de fugir. Debaixo de céus amaldiçoados eu te vejo. Onde o amor está perdido, o seu fantasma é encontrado, você é apenas um vulto de nós. Uma sombra do meu passado, e dói eu ainda sei que eu TE AMO. Hoje já não dói ver você se passar por outra pessoa.


;D